fbpx
Jornal Corporativo
Portal de artigos e estudos Contábeis, Periciais, Jurídicos e de Negócios

Criatividade – Exercícios Práticos

Exercícios práticos para melhorar sua Criatividade

0 340

CRIATIVIDADE – Exercícios Práticos

Criatividade: Você é criativo? Imagine que estamos, nesse momento, participando de um grupo de estudos, que visa a definição dos objetivos da sua empresa.

  • Estabeleça então uma árvore de objetivos, desde a mais alta hierarquia, partindo de um objetivo mais abrangente possível, até chegar ao menor nível hierárquico, definindo os objetivos de cada nível.
  • Em seguida, ao lado de cada objetivo, imagine qual a forma [ESTRATÉGIA] que irá utilizar para conseguir seu objetivo.

UNIDADE

OBJETIVOS ESTRATÉGIA
Conselho de Administração
Diretoria
Gerência Executiva
Gerentes das unidades de negócio
Supervisores/Encarregados
Técnicos
Funcionários

 

EXERCÍCIO INDIVIDUAL

BLOQUEIO DA CRIATIVIDADE

Reflita e responda as questões abaixo, com a maior sinceridade possível:
1 – Por medo de falhar, você procura sempre correr poucos riscos.
Sim     œ
2 –  Você sempre se limita à satisfazer-se com menos, para evitar a possível dor ou vergonha de fracassar.
Sim     œ
3 – Você tem relutância em brincar, pois considera que o seu estilo é sério demais para brincadeiras.
Sim     œ
4 –  Com receio de parecer tolo, deixa o seu medo impedi-lo de experimentar coisas fora do comum.
Sim     œ
5 –  Você não consegue ver suas próprias forças; nem ver os recursos no seu ambiente.
Sim     œ
6 – Você sempre é movido por idéias pré-concebidas, pela sua certeza demasiada: rigidez de conduta na solução de problemas; persistência em comportamentos que não são mais funcionais; falha em examinar pressupostos.
Sim     œ
7 –  Fuga à frustração: desistir cedo demais diante de obstáculos; fuga à dor e desconforto, muitas vezes ligada à mudança.
Sim     œ
8 –  Preso a costumes: ênfase demasiada em fazer coisas de forma tradicional; reverência exagerada ao passado; tendência a conformar-se quando não é necessário nem útil.
Sim     œ
9 –  Fantasia empobrecida: ignorar, diminuir, condenar as imagens e visualizações interiores de si próprio e de outros; super-valorização  do chamado mundo real, objetivo; falta de imaginação no sentido de “faz de conta” ou  “o que aconteceria se …”
Sim     œ
10 – Medo ao desconhecido: fuga à situação que não tenha clareza ou certeza de sucesso; necessidade de conhecer o futuro, antes de agir.
Sim     œ
11 – Necessidade de equilíbrio: inabilidade em tolerar difusão ou ambigüidade; desagrado por complexidade; necessidade excessiva de ordem e simetria.
Sim     œ
12 – Relutância em exercer influência: medo de parecer muito agressivo, hesitação em defender seus pontos de vista.
Sim     œ
13 – Relutância em aceitar o fluxo natural: tentar arduamente demais para forçar a solução de problemas; inabilidade em deixar coisas incubar ou acontecer normalmente; falta de confiança nas capacidades humanas.
Sim     œ
14 – Vida emocional empobrecida: gastar energia, reprimindo expressões espontâneas; não reconhecimento da importância dos sentimentos na vida individual e grupal.
Sim     œ
15 – Yin e Yang (positivo e negativo) desintegrados: polarização das coisas em opostos, em vez de saber integrar os aspectos bons de ambas as partes; falta de percepção do todo integrado.
Sim     œ
16 – Embotamento sensorial:  fazer contatos apenas parciais consigo mesmo e o ambiente; atrofia da capacidade de explorar; sensibilidade pobre.
Sim     œ

 

EXERCÍCIO INDIVIDUAL SOBRE CRIATIVIDADE

Questões: A, B, C

A – Reflita e responda sim ou não sobre as questões abaixo:
1  –  Os funcionários sabem a quem se dirigir quando necessitam de informações, aconselhamento ou supervisão?
Sim   
Não  
2  –  Normalmente os funcionários sabem, com clareza, o que devem fazer no caso de surgimento de problemas?
Sim   
Não  
3   –  E quanto à execução das tarefas do dia à dia?
Sim   
Não  
4  –   Existe um mesmo trabalho sendo executado por diferentes pessoas?
Sim   
Não  
5   –   Existe um mesmo trabalho sendo executado por diferentes setores?
Sim   
Não  
6   –   Os funcionários tem tempo de sobra para discutir assuntos pessoais?
Sim   
Não  
7   –   Existem casos de conflito, devido à problemas de autoridade entre diversos departamentos ou chefias?
Sim   
Não  
8   –   As decisões são tomadas dentro do tempo certo para cada problema, ou são lentas?
Sim   
Não  
9   –   As regras básicas que determinam o funcionamento da empresa são claras e tem sentido?
Sim   
Não  
10  – A organização do trabalho é bem dividida (adequada) entre todos os funcionários de seu setor?
Sim   
Não  
11  –   Há unidade de comando e de direção na realização das tarefas?
Sim   
Não  
12  –  Existe um bom relacionamento entre as unidades de negócio e os departamentos burocráticos?
Sim   
Não  
13  –   Há desperdício de materiais de uso e consumo em seu setor? – caso positivo, citar quais.
Sim   
Não  
14  –   Há má utilização de pessoal (funcionários) em seu setor?
Sim   
Não  
15   –   Existe controle de produtividade na execução das tarefas do seu setor?
Sim   
Não  

B – Considerando a tabulação abaixo, classifique sua empresa, em cada ponto abaixo:
           A  –  Ótimo
           B  –  Bom
           C  –  Regular
           D  –  Péssimo
Obs.: Caso queira justificar sua classificação, utilize o espaço disponível:
 1  –  Quanto à divisão do trabalho de cada setor.
Nota:
Justificativa:
2   –  Quanto à divisão (e carga de tarefas) do trabalho de cada funcionário.
Nota:
Justificativa:
3   –  Poder de autoridade dos gerentes/chefes/encarregados supervisores.
Nota:
Justificativa:
4    –  Qual a responsabilidade geral na execução das tarefas.
Nota:
Justificativa:
5   –   Quanto à centralização do poder de decisão.
Nota:
Justificativa:
6   –   Respeito à hierarquia.
Nota:
Justificativa:

C – Quanto à ação (cumprimento das responsabilidades), em cada área de atuação da empresa, classifique de conformidade com a pontuação abaixo:
           A  –  Ótimo
           B  –  Bom
           C  –  Regular
           D  –  Péssimo
Obs.: Cada área deverá ser avaliada levando em consideração as particularidades de cada uma, fatores estes que estão ligados à real existência e sobrevivência de cada área, à saber:

  1.   –  A área comercial deve ser avaliada do ponto de vista de produzir novos recursos, conquistar novos clientes/mercados;
  2.    –  A área industrial, quanto à sua capacidade de prever safras, programar a produção e antecipar vendas;
  3.    –  A área burocrática, quanto à sua capacidade de realizar a execução das tarefas diárias de registro, controle e relatório dos fatos comerciais e administrativos da empresa;
  4.    –  A área de dirigentes, quanto à forma de administrar e gerenciar os recursos humanos, financeiros, materiais e comerciais da empresa.

 

 Área/setor  Classificação
COMERCIAL
Supermercado
Confecções
Loja
Filiais
Serviços
Marketing Geral
INDUSTRIAL
Fábrica de Sal
Máquina de Algodão
Esmagadora e Silos
BUROCRÁTICA
Secretárias
Informática
Recursos Humanos
Contabilidade
Compras
Apuração de custos
Contas à Receber/Pagar
Auditoria
Apoio Administrativo
Organização e Métodos
Fiscalização das filiais
Manutenção Geral
ADMINISTRAÇÃO
Diretoria
Gerência Executiva
Gerentes de Filiais
Gerentes Comerciais

Exercícios de criatividade.

Você gostaria de receber atualizações de nosso Jornal Corporativo em tempo real? Direto no seu celular ou desktop? Use nossa tecnologia de Notificação Push, inscreva-se agora.

Comentários
Carregando...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar